Você Sabia que Fazer as Refeições à mesa e em família tem benefícios? | Home Lovers Do Brasil Locers do Brasil') }}

Você Sabia que Fazer as Refeições à mesa e em família tem benefícios?

Publicado: 04/11/2019


É fato que desde o princípio da história da humanidade a refeição em conjunto sempre foi um hábito. Existem relatos em que havia a divisão de tarefas, onde os homens saiam para caçar e as mulheres eram encarregadas de colher frutos com as crianças e após a caça então havia a partilha entre as famílias dos homens que haviam participado da caça, o que hoje chamamos de comensalidade.


“Comensalidade deriva do latim "mensa" que significa conviver à mesa e isto envolve não somente o padrão alimentar ou o quê se come mas, principalmente, como se come. Assim, a comensalidade deixou de ser considerada como uma consequência de fenômenos biológicos ou ecológicos para tornar-se um dos fatores estruturantes da organização social. A alimentação revela a estrutura da vida cotidiana, do seu núcleo mais íntimo e mais compartilhado. A sociabilidade manifesta-se sempre na comida compartida”.

O que comer, como comer e com quem comer? Você já pensou nisso? Cada povo (nacionalidade) tem os seus rituais. Nós ocidentais, temos a mesa e os talheres, os orientais tem os hashis, mas se você for pesquisar sobre esse assunto descobrirá que há um universo de informações que desconhecemos e que são super interessantes. Então defino ainda que Mesa Posta, além de estilo de vida, também é cultura.

Não é à toa que em quase todas as datas comemorativas temos o costume de chamar os amigos e familiares e nos reunir em volta de uma mesa e degustar fartas refeições, jogando conversa fora, trocando experiências, recordando momentos, é um momento muito prazeroso, de alegria e onde são construídos laços e memórias afetivas. 



Quem tem lembranças de sua infância ou adolescência onde as refeições eram feitas à mesa?

Eu, particularmente, tenho muitas lembranças, memórias afetivas que jamais se apagarão. Na minha casa, sempre fazíamos as refeições juntos. Lembro que ajudava minha mãe a por a mesa e ela pedia para um dos meus irmãos para chamar meu pai avisando que o almoço estava pronto. Que delícia! Que tempo bom! 

Atualmente, devido a correria do dia a dia, muitas famílias deixaram esse hábito, pois muitas vezes temos que sair e comer em algum restaurante ou então levamos uma “marmitinha” para nos alimentarmos aonde quer que estejamos indo. Devido aos inúmeros compromissos, trânsito caótico e até mesmo pela falta de tempo, aos poucos este costume de reunir a família para fazer uma refeição, seja no café da manhã, horário de almoço, ou jantar, foi se enfraquecendo no seio familiar. 

Em um passado não muito distante, eu era uma dessas pessoas que vivia na correria e não dava atenção a essa rotina tão importante, sempre procurava fazer alguma refeição junto à minha família, mas não era à mesa, era muitas vezes em restaurantes ou quando estávamos em casa, na frente da TV. Em 2015 arrumar a mesa para fazer as refeições, começou a fazer parte da minha rotina, pelo menos em uma das refeições, mas não tinha consistência e eu vivia um problema familiar bem sério na época. Foi quando fui presenteada com o Livro A Experiência da Mesa, onde a autora relata princípios bíblicos, pesquisas científicas e também menciona algumas de suas experiências pessoais  ao redor da mesa. Desde então, virei uma #meseiraassumida e posso dizer que foi um divisor de águas em minha relação familiar. Não estou querendo dizer que ao praticar a mesa posta os problemas de relacionamento que possam haver irão se dissipar, mas é um meio de se resgatar relacionamentos, conversar sobre coisas boas, de criar e fortalecer laços, de conversar olho no olho.

A rotina diária em muitos lares, foi impactada pelo avanço dos eletrônicos, onde muitos jovens fazem seus pratos e vão para a frente da TV ou computador jogar seus “games” ou assistir suas séries favoritas, até mesmo adultos adotaram esse hábito. Mas se todos soubessem que este momento tem grande valor e impacta em diversas áreas comportamentais dos membros da família, talvez fosse possível fazer um esforço para que pelo menos uma refeição fosse feita em família à mesa. A notícia boa é que nunca é tarde e sempre podemos mudar nossos hábitos e se o exemplo é melhor do que qualquer sugestão, se você ainda não faz as refeições à mesa, procure fazer pelo menos uma ao dia, se não der, faça no final de semana, mas faça e verá o resultado maravilhoso e que momentos agradáveis passarão juntos

Há pesquisas e relatos que crianças que fazem as refeições regularmente com a família apresentam melhor desempenho na escola, melhor desenvolvimento intelectual, maior vocabulário e mais facilidade para lidar com problemas. 


Mesa Posta é estilo de vida, é uma maneira indireta de dizer “eu te amo”, é demonstração de amor, de cuidado, de carinho. Tem um ditado que diz que se conquista um(a) pretendente pela boca (preparando uma boa comida) e então imagino que se preparar a refeição e colocar a mesa é pedido de casamento na certa.

Resumidamente alguns benefícios são:

1- cria e fortalece laços familiares e de amizade

2- promove a convivência, conversa e até reconciliações

3- fortalece a identidade familiar

Espero que tenham gostado e se ainda não praticam a mesa posta, comecem. Se tiverem dúvidas e quiserem saber como eu faço, podem enviar e-mail, deixar mensagem no WhatsApp ou Direct que, com certeza, irei ler cada uma mensagem com muito carinho e responderei com amor.

Até o próximo post.

Bjs,

Claudia

Home Lovers


Voltar